Idepa reforça aposta no mercado nacional

  • Partilhar

A presença na próxima edição Modtissimo é agora mais do que nunca uma prioridade para a IDEPA. Para a empresa especializada na produção de acessórios têxteis “é muito importante que o mercado nacional se continue a encontrar, uma oportunidade para os players se reunirem e um cartão de visita fundamental para a IDEPA”, defende a Sales and Marketing Manager, Ana Paula Pires.

Apesar de admitir que este ano, à custa da pandemia, o número de potenciais clientes estrangeiros a visitar o Modtissimo poderá diminuir um pouco, Ana Paula Pires é peremptória a afirmar que o salão oferece a cada edição um leque “renovado e muito interessante” de compradores, o faz com que a IDEPA opte nestas circunstâncias especiais que o mundo atravessa por concentrar esforços no mercado nacional.

“Já antes desta fatalidade tínhamos decidido que este ano não iriamos a feiras internacionais, mas o reforço da aposta no mercado nacional é agora fundamental. Depois de várias participações na PV, ISPO e outras feiras de referência, decidimos que 2020 seria um ano de balanços desse ponto de vista”, revela representante da empresa.

Fundada em 1965, a Idepa é uma empresa familiar que já vai na sua segunda geração. Dividida em duas unidades industriais – a principal, localizada em São João da Madeira, e outra em Vila Nova de Gaia–, a Idepa emprega 130 pessoas. Etiquetas, fitas para tapa costuras e para acabamentos, e elásticos – usados numa vasta gama de produtos, como suspensórios, elásticos para boxers, streetwear ou no cós de calças – são a gama de produtos que a Idepa disponibiliza aos seus clientes.

copyright T Jornal

Próximo artigo
Itechstyle Showcase aberto a candidaturas até 7 de agosto